segunda-feira, 1 de abril de 2013

O Abril dos Tolos


Os povos antigos costumavam se guiar nos ciclos das estações através de um contato profundo e direto com a natureza. Desta forma, eles consideravam a renovação do ciclo solar como o início da primavera (no hemisfério norte, na mesma época em que ocorre o início do outono no hemisfério sul), ao invés de tentar encaixá-lo em um calendário artificial como fazemos hoje em dia.

Por causa disso, após a adoção de calendários como o gregoriano (que usamos até os dias de hoje) o "ano novo pagão" caia alguns meses depois do "ano novo cristão", mais ou menos no final de março ou início de abril.

Durante a idade média, quando os povos cristãos viam as festividades pelo início da primavera e de um novo ciclo solar, ou seja um ano novo, chamavam-nos de tolos. Com o passar dos anos e das gerações, essa troça se sofisticou, com os cristãos fazendo festivais que ridicularizavam os ritos pagãos (algo como um bullying medieval) e daí surgiu a expressão "April's Fool", Tolo de Abril.

Não sei ao certo como acabou se oficializando o dia primeiro de abril como o dia dos tolos e depois, em nossa cultura tornou-se o dia da mentira, mas originalmente nada mais era do que uma tentativa de desacreditar um povo e suas crenças. O fato de continuarmos a repetir tais comportamentos de desrespeito com as diferenças me faz perguntar: Quem é o tolo afinal?

PS: Isso não é uma piada de primeiro de abril.

Nenhum comentário: